26 de abril de 2018

Brasileiros pagarão taxa para entrar na Europa

União Europeia passará a solicitar pagamento e divulgação de dados pessoais

Brasileiros e turistas de outros países terão que pagar taxa para adentrar países da Europa.

O Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem aprovou, na última quarta-feira (25/04), um imposto a ser cobrado de turistas e profissionais originários de países que não necessitam de visto para entrar na União Europeia. Isso inclui o Brasil.

A taxa estipulada seria de 7 euros por pessoa/por viagem e, além dessa espécie de “pedágio”, também será necessário fazer um cadastro eletrônico, como já acontece no sistema norte-americano.

As medidas visam evitar o trânsito de terroristas e, assim, aumentar a segurança de turistas e cidadãos europeus. Passageiros com registros de suspeitas de atividade terrorista, potenciais imigrantes irregulares e qualquer outro fator que possa apresentar risco à saúde pública não poderão entrar na União Europeia.

A proposta ainda não tem data definida para entrar em vigor, pois necessita do aval do Parlamento Europeu.

Vale lembrar que a regra de permanência para brasileiros continua a mesma: permanência de, no máximo, três meses viajando por países do Espaço Schengen.

Os países que configuram o bloco da União Europeia são: Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polônia, Portugal, Reino Unido, República Checa, Romênia e Suécia.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

EXPERIÊNCIAS RELACIONADAS

Desvendar

A Grécia dos Deuses

Detalhes

8 dias

Desfrutar

Irlanda de Pub em Pub

Detalhes

6 dias

Desfrutar

Um conto de fados portugueses

Detalhes

8 dias

Compartilhar

ENCONTRE A VIAGEM DOS SEUS SONHOS!

Deixe seu e-mail e receba um mundo de possibilidades.